Novidades Fórum Rio Diversidade

sábado, 7 de janeiro de 2012

Informe Educação

9 de Janeiro de 2012, 9º aniversário da Lei 10639/03.
A Educação é um direito social, mas mais que isto é um processo de desenvolvimento humano.
Os anos que nos separam da abolição, não foram suficientes para conter as discriminações forjadas ao longo dos séculos do regime escravocrata. Negros e negras ainda hoje lutam por espaços na sociedade.
A lei 10639/03 é muito mais que uma alteração na lei que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, ela conduz a igualdade básica de pessoa humana como sujeito de direitos, compreende que a sociedade é formada por  grupos étnicos distintos, que possuem história e cultura própria valiosamente iguais e que esse conjunto de histórias e culturas constroem a história da Nação Brasileira. A eliminação de conceitos, ideias, a condução para uma desconstrução de uma ideologia de branqueamento por meio de analises e questionamentos, é o saber, é o se conhecer, é o orgulhar-se de sua origem, é o elevar da autoestima, de nós,  Brasileiros Afrodescendentes.


EDUCAÇÃO
PROJETO MP NA ESCOLA

Veja como agendar as palestras do Ministério Público na sua escola! A iniciativa faz parte do Projeto de Orientação Vocacional/Profissional da Seeduc

Uma parceria da Secretaria de Estado de Educação e o Ministério Público tem ajudado as escolas a formarem alunos cidadãos. O MP do Estado do Rio de Janeiro está autorizado a realizar palestras aos alunos de Ensino Médio nas unidades escolares da rede estadual de ensino com o objetivo de apresentar o Projeto MP na Escola. Tal iniciativa é parte integrante do Projeto de Orientação Vocacional/Profissional, que tem como premissa formular ações que promovam a integração com outras esferas da gestão pública.

O propósito desta iniciativa é facilitar o acesso dos alunos a noções e conceitos de cidadania, por meio do conhecimento das relevantes missões do MPRJ em defesa dos direitos sociais.

Os diretores podem fazer o agendamento das palestras em todos os 92 municípios do Estado. Basta entrar em contato com a Coordenadoria de Integração e Articulação Institucional pelo e-mailciai@mp.rj.gov.br
 ou pelo telefone (21)2292-9655.
 
Equipe responsável:
Coordenação de Ensino Médio

SME - Secretaria Municipal de Educação do Município do Rio de Janeiro.
EDUCAÇÃO
ESCOLAS DA PREFEITURA FUNCIONARÃO EM HORÁRIO INTEGRAL EM 2012

Ao todo, 120 unidades terão turno único, sendo 58 CIEPs

22/12/2011

Alunos de 120 escolas municipais terão aulas em tempo integral em 2012. Mais aulas de Português, Matemática e Ciências estão incluídas no novo currículo, que prevê turnos de sete horas. A mudança na grade já havia ocorrido em 22 unidades da Prefeitura do Rio este ano. Das 120 unidades, 58 são CIEPs. 

O novo projeto de turno único beneficiou, nesse primeiro momento, escolas que ficam nas áreas mais vulneráveis da cidade. Das 22 escolas que já possuem horário integral, 10 são Ginásios Experimentais – escolas de segundo segmento, que possuem disciplinas eletivas e trabalham o projeto de vida dos alunos - e 12 são escolas da rede, adaptadas para funcionar em turno único.

De acordo com a secretária Municipal de Educação, Claudia Costin, as unidades que passaram por essa transição em 2011 apresentaram melhores resultados nas provas bimestrais.

- Nossa intenção é alcançar toda a rede municipal com o horário integral. Mas escolhemos essas para dar um salto de qualidade e, assim, tornar a rede mais igualitária – declarou a secretária.

Dentro do conceito de turno único, os alunos ficarão nas escolas durante sete horas. Ao longo do dia, terão mais aulas de Português, Matemática, Ciências, Educação Física e Inglês. Além disso, ainda terão disciplinas optativas, como Matemática Financeira, Artes e Leitura.

A rede municipal de ensino possui 1.065 escolas, com mais de 670 mil estudantes.

Listas das escolas em tempo integral:
ESCOLA MUNICIPAL DARCY VARGAS
ESCOLA MUNICIPAL MAL MASCARENHAS  MORAES
CIEP JOSÉ PEDRO VARELA
ESCOLA MUNICIPAL CANADÁ
ESCOLA MUNICIPAL MESTRE WALDEMIRO
ESCOLA MUNICIPAL GUARARAPES CÂNDIDO
CIEP PRESIDENTE TANCREDO NEVES                                                                                                                                                     
CIEP PRESIDENTE AGOSTINHO NETO
ESCOLA MUNICIPAL CAPISTRANO DE ABREU
CIEP PRESIDENTE JOÃO GOULART
CIEP NAÇÃO RUBRO NEGRA 
ESCOLA MUNICIPAL BOMBEIRO GERALDO DIAS
ESCOLA MUNICIPAL DIOGO FEIJÓ
CIEP SAMUEL WAINER
CIEP ANTOINE MAGARINO T. FILHO
ESCOLA MUNICIPAL AFRÂNIO PEIXOTO
CIEP PRESIDENTE SALVADOR ALLENDE
CIEP DR. BENTO RUBIÃO
ESCOLA MUNICIPAL SÃO DOMINGOS
ESCOLA MUNICIPAL EURICO VILLELA                                                                                 
ESCOLA MUNICIPAL HERMENEGILDO DE BARROS
CIEP PATRICE LUMUMBA
CIEP CEL. SARMENTO
ESCOLA MUNICIPAL SEN. JOÃO LYRA TAVARES
ESCOLA MUNICIPAL REPÚBLICA DO PERU
ESCOLA MUNICIPAL ISABEL MENDES
ESCOLA MUNICIPAL JEAN MERMOZ
ESCOLA MUNICIPAL TOBIAS BARRETO
ESCOLA MUNICIPAL SENEGAL
ESCOLA MUNICIPAL LINS E VASCONCELOS
CIEP VINICIUS DE MORAES
CIEP MAESTRO FRANCISCO MIGNONE
ESCOLA MUNICIPAL PROF. SOUZA CARNEIRO                                                                                                                                                                            
ESCOLA MUNICIPAL MIN. AFRÂNIO COSTA
ESCOLA MUNICIPAL MIN. PLÍNIO CASADO
CIEP DEPUTADO JOSÉ CARLOS B.MONTEIRO
ESCOLA MUNICIPAL HOLANDA
CIEP OLGA BENÁRIO PRESTES
CIEP JOÃO MANGABEIRA
CIEP JOÃO RAMOS DE SOUZA
CIEP HÉLIO SMIDT
CIEP PRES. SAMORA MACHEL
CIEP ELIS REGINA
CIEP LEONEL DE MOURA BRIZOLA
ESCOLA MUNICIPAL MONTESE
ESCOLA MUNICIPAL PRESIDENTE GRONCHI
CIEP MESTRE CARTOLA
CIEP GRACILIANO RAMOS
ESCOLA MUNICIPAL J. CARLOS
ESCOLA MUNICIPAL PIRES E ALBUQUERQUE                                                                                                                             
CIEP DOM OSCAR ROMERO
ESCOLA MUNICIPAL PARAGUAI
CIEP AUGUSTO P. DE CARVALHO
CIEP MANOEL MAURÍCIO ALBUQUERQUE
CIEP METALÚRGICO BENEDITO CERQUEIRA
ESCOLA MUNICIPAL EMÍLIO CARLOS                                                                                                
CIEP POETA FERNANDO PESSOA
CIEP GENERAL AUGUSTO CESAR. SANDINO
CIEP OSWALD DE ANDRADE
CIEP JOÃO DO RIO  
ESCOLA MUNICIPAL MAX FLEIUSS
ESCOLA MUNICIPAL THOMAS JEFFERSON
CIEP ANTÔNIO CANDEIA FILHO
CIEP DR. ADÃO PEREIRA NUNES                                                                                                   
CIEP ZUMBI DOS PALMARES
CIEP GLAUBER ROCHA                                                                                                                      
ESCOLA MUNICIPAL RODRIGUES ALVES
ESCOLA MUNICIPAL PROFESSORA DÍDIA MACHADO FORTES
ESCOLA MUNICIPAL ENGENHEIRO ÁLVARO SODRÉ
ESCOLA MUNICIPAL ANTÔNIO BANDEIRA
ESCOLA MUNICIPAL SANTA FRANCISCA XAVIER CABRINI
ESCOLA MUNICIPAL RAUL FRANCISCO RYFF
CIEP AMÍLCAR CABRAL
CIEP VILA KENNEDY
CIEP GILBERTO FREIRE
CIEP CÉLIA MARTINS MENNA BARRETO
CIEP PADRE PAULO CORRÊA DE SÁ
CIEP ANTÔNIO EVARISTO DE MORAES                                                      
CIEP MAL.JÚLIO CAETANO HORTA BARBOSA                                                                                                              
CIEP OLOF PALME
CIEP MESTRE ANDRÉ
CIEP POETA CRUZ E SOUSA
CIEP MAESTRINA CHIQUINHA GONZAGA
ESCOLA MUNICIPAL LIMA BARRETO
CIEP FREI VELOSO                                                                                                                                                       
ESCOLA MUNICIPAL PROF. IVAN ROCCO MARCHI
CIEP MAL. HENRIQUE D. TEIXEIRA LOTT                                                                                  
CIEP THOMAS JEFFERSON
CIEP FRANCISCO SOLANO TRINDADE                                                                                                                 
CIEP ARACY DE ALMEIDA                                                                                                                            
ESCOLA MUNICIPAL PROF. FLORIANO DE BRITO
ESCOLA MUNICIPAL CORA CORALINA
ESCOLA MUNICIPAL PROF. GONÇALVES
CIEP ANITA MALFATI
CIEP RAYMUNDO OTTONI DE CASTRO MAYA                                                                             
CIEP PROF. DARCY RIBEIRO
CIEP NELSON MANDELA                                                                                                                                               
ESCOLA MUNICIPAL ALDEBARà                                                                                                                                                                                                                      
ESCOLA MUNICIPAL PROFª ZULMIRA TELLES DA COSTA
CIEP PRIMEIRO DE MAIO
CIEP MAESTRO HEITOR VILLA LOBOS


Ginásio Experimental Carioca em 2011

O Programa Ginásio Experimental Carioca é voltado para atender jovens do 2º segmento do Ensino Fundamental. Em 2011, dez escolas aderiram ao Programa:

1ª. CRE – E.M. Rivadávia Correa, no Centro da cidade;
2ª. CRE – E.M. Orsina da Fonseca, na Tijuca;
3ª. CRE – E.M. Bolívar, no Engenho de Dentro;
4ª. CRE – E.M. Anísio Teixeira, na Ilha do Governador;
5ª. CRE – E.M. Mario Paulo de Brito, em Vista Alegre;
6ª. CRE – E.M. Coelho Neto, em Ricardo de Albuquerque;
7ª. CRE – E.M. Governador Carlos Lacerda, na Taquara;
8ª. CRE – E.M. Nicarágua, em Realengo;
9ª. CRE – E.M. Von Martius, em Campo Grande;
10ª. CRE – E.M. Princesa Isabel, em Santa Cruz.

Em 2012, mais oito escolas participarão do programa:

1ª. CRE – E.M. Nilo Peçanha, em São Cristóvão;
2ª. CRE – E.M. Epitácio Pessoa, no Andaraí;
2ª. CRE – E.M. André Urani, na Rocinha;
3ª. CRE – E.M. Rio de Janeiro, no Jacaré
5ª. CRE – E.M. Malba Tahan, no Irajá;
6ª. CRE – E.M. Fernando Rodrigues da Silveira, em Costa Barros;
8ª. CRE – E.M. Mario Casasanta, em Magalhães Bastos;
9ª. CRE – E.M. Embaixador Araújo Castro, em Campo Grande;
.

Ginásio Experimental Olímpico – GEO
Ginásio Experimental Olímpico Juan Antonio Samaranch, em Santa Teresa

Orçamento da Educação no RJ vai quase triplicar em 2012, diz secretário

Meta é construir mais 15 escolas no estado.





O secretário estadual de Educação, Wilson Risolia, anunciou, na tarde desta quinta-feira (15), que a meta para 2012  é quase triplicar o orçamento da pasta, passando de R$ 120 milhões para R$ 320 milhões, para construção de novas escolas e investimento na rede estadual de ensino.
Em entrevista coletiva, Risolia negou que esteja fechando turmas ou escolas, principalmente no turno da noite, como reclama o Sindicato Estadual dos Profissionais de Ensino (Sepe).
"Em 2012 vamos transformar a rede estadual num grande canteiro de obras. Vamos praticamente construir 15 novas escolas, sendo que oito grandes obras já estão praticamente prontas e quatro em fase de licitação, num valor aproximado de R$ 68 milhões. Temos também a previsão de construirmos três escolas modulares, que ficam prontas em 90 dias na Pavuna e em Campo Grande, no Rio, e em Queimados, na Baixada Fluminense. São obras mais rápidas para áreas que estão mais carentes", disse o secretário.
Balanço 2011
No balanço do ano de 2011, Risolia disse que 432 escolas receberam obras de infraestrutura. Cinquenta e seis escolas ainda estão com obras em andamento, 61 já tiveram as obras contratadas e outras 109 tiveram as intervenções licitadas para reformas complementares, como reforma de piso de quadra ou troca de telhado ou de equipamentos.
O secretário também destacou que promoveu um reajuste salarial de 62,38% para os profissionais da rede de ensino, o que, segundo ele, representou um aumento real de 25,38% no período de agosto de 2007 até setembro deste ano. Risolia destacou também o investimento na qualificação dos profissionais e na recuperação dos nível dos alunos.
"O Rio aparece, em dados do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) de novembro de 2010, como sendo a escola que tem o melhor e maior número de professores para a quantidade de alunos, na razão de 12 alunos para cada professor. Com concursos e processos seletivos conseguimos reduzir o déficit de quase 12 mil professores na rede para cerca de 1.500 profissionais. E passou a ganhar mais justamente quem está em sala dando aula. Além disso percebemos também que há menos profissionais abandonando a rede. Não há necessidade muitas outras contratações, pois só pagamos horas extras para suprir a carência dos cerca de 7 mil professores que estão licenciados", enfatizou o secretário.
Risolia negou enfaticamente que o estado esteja fechando turmas e escolas, como denuncia o Sepe. Segundo ele, o ensino fundamental, principalmente no Rio está sendo gradativamente municipalizado.
"Ainda temos 40 mil alunos do fundamental no Rio, mas esse quadro já está mudando. Não estamos fechando escola alguma. Estamos sim transferindo alunos de turmas que tinham só uma ou duas pessoas para outras turmas. Estamos otimizando o trabalho. Estamos transferindo esses alunos fisicamente para 43 escolas, sendo que 22 delas são prédios próprios e não mais da rede municipal. Não se trata de economia, mas de racionalidade. O número de matrículas inclusive subiu", disse o secretário, destacando que cumpriu com folga as metas estabelecidas para o ensino fundamental 1, e que ficou dentro dos planos as metas para o fundamental 2 e para o ensino médio.

Nova Iguaçú

A prefeita de Nova Iguaçu, Sheila Gama, anunciou o investimento de mais de R$ 14 milhões na construção de 10 novas escolas em regiões onde atualmente há maior demanda por vagas na rede municipal abrindo cerca de 8 mil novas vagas no ensino fundamental. O extrato do contrato das empresas que vão executar as obras foi publicado terça-feira (27) no Diário Oficial da Prefeitura. Ao fazer o anúncio dos novos investimentos, a prefeita lembrou que a melhoria da Educação é uma das principais prioridades do seu governo. 

“Quando assumi, tive a preocupação de terminar as obras que estavam paralisadas. Por isso quero agradecer a confiança e a parceria das comunidades que acreditaram no meu compromisso de dedicação total para que pudéssemos conquistar os avanços nesse setor apesar das grandes dificuldades financeiras que enfrentamos”, disse Sheila Gama, lembrando que essa determinação de concluir as obras que estavam paradas “significa acima de tudo o respeito que temos com o dinheiro público.


De acordo com o diretor de obras da Companhia de Desenvolvimento de Nova Iguaçu, Sidnei Neves, as obras seguem uma outra determinação da prefeita em relação ao projeto arquitetônico.


“Todas as unidades serão construídas no mesmo padrão, independente do bairro. As novas 
escolas vão dispor de 10 salas de aulas, sendo duas de educação infantil, midiateca, banheiros masculino e feminino adaptados para portadores de necessidades especiais, refeitório, sala de professores, de diretores e refeitório. A previsão da Secretaria Municipal de Educação é receber os novos alunos nas novas salas de aula no segundo semestre de 2012. A rede municipal de Nova Iguaçu oferece horário integral e o Programa Mais Educação está presente em 99 unidades escolares. Para 2012 quatro novas escolas estão sendo incluídas no Programa, o que ampliará as possibilidades educacionais dos estudantes, que contam com atividades de reforço escolar, horta, banda, radio escolar, esporte, dança e outras oficinas escolhidas pela gestão de cada escola.


Nenhum comentário: